Entidade gaúcha AGAPAN apoia luta contra o BRT de Salvador

09/07/2018

cabeçalho_blog

A Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural (AGAPAN) divulgou moção de apoio à luta de cidadãos e de diversas entidades, entre elas o Gambá, contra o projeto de BRT que a prefeitura de Salvador quer implantar na capital baiana e que deve derrubar centenas de árvores e tamponar 2 rios. O projeto que deve custar R$820 milhões tem gerado forte oposição na capital baiana por seus impactos ambientais e por ter sua pertinência para a mobilidade urbana questionada por especialistas – segundo eles, o projeto destina-se na verdade para o tráfego de carros.

Desde o fim de abril o Movimento Não ao BRT tem realizado consecutivas manifestações contra o projeto e mobilizado diversos atores contra a implantação do modal que, se concretizado, instalará uma série de elevados que além de destruir a área verde e tamponar rios, deve ter um enorme impacto negativo na paisagem urbana, causando degradação de espaços que serão permanentemente sombreados. Uma ação judicial conjunta movida pelo Ministério Público Federal e Estadual pede a imediata paralisação da obra, assim como outra movida pelo Instituto dos Arquitetos do Brasil. A juíza ainda não decidiu se concederá o pedido liminar de suspensão das obras das duas ações.

A AGAPAN, assim como o Gambá,  integra a Rede de ONGS da Mata Atlântica e se solidarizou com os esforços de conservação de uma área verde urbana de Salvador. Em Porto Alegre, a entidade também tem feito o debate e a defesa de uma cidade mais arborizada. Segundo a Agapan, a capital gaúcha que já foi referência de cidade arborizada tem promovido um verdadeiro arboricío nos últimos anos.

Leia a moção de apoio divulgada pela Agapan na íntegra.

Caso sua entidade queira apoiar a luta contra o BRT de Salvador, entre em contato através do email ascom@gamba.org.br

 

Logomarca Gambá

Av. Juracy Magalhães Jr, 768, Edf. RV Center, sala 102, Rio Vermelho, Salvador/Ba. Tel/fax: 71- 3240-6822

Reserva Jequitibá – Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, Serra da Jibóia, Elísio Medrado/BA