Acompanhamento de ações realizadas pelo Coletivo Jovem de Salvador – Grupo Pegada Jovem (CJ-SSA)

O Gambá vem acompanhando o trabalho do CJ-SSA desde 2003, quando este grupo começou a atuar na Bahia para estimular as escolas de ensino fundamental a realizarem a I Conferência Infanto-juvenil Pelo Meio Ambiente na Escola. Alguns representantes jovens do Gambá participaram ativamente deste grupo. Além disso, o Gambá colaborou assumindo o papel de patrocinador fiscal das atividades desse grupo, bem como assessorando as atividades realizadas, quando solicitado.

O CJ-SSA manteve-se atuante e em sintonia com a Política Nacional de Educação Ambiental (PNEA). Algumas das suas principais atividades de articulação de jovens e de educação ambiental, que foram acompanhadas pelo Gambá são:

Realização dos I e II Encontros de Juventude e Meio Ambiente na Bahia   (2003 e 2006)

O primeiro ocorreu em 2003, nas vésperas da I Conferência de Meio Ambiente realizada no Estado, em Salvador, e teve como objetivo desenvolver oficinas sobre as temáticas que seriam tratadas na conferência, para preparar cerca de 40 jovens de diferentes localidades da BA, para participar desse evento. Alguns deles acabaram por ser escolhidos como delegados estaduais para a I Conferência Nacional de Meio Ambiente e Desenvolvimento, que  ocorreu logo a seguir.

O segundo encontro foi realizado em Salvador, com cerca de 60 jovens do interior e 35 de Região Metropolitana de Salvador, em 2006, através de palestras e oficinas de: políticas públicas, educação ambiental, fortalecimento de grupo e educomunicação. Teve o intuito de estimular a criação de CJs nas diversas regiões do Estado, mobilizando lideranças jovens vinculadas a organizações não governamentais e movimentos sociais. A partir desse encontro foi criada a Rede de Juventude e Meio Ambiente da Bahia – a REJUMA-BA, vinculada à REJUMA nacional.

Elaboração do vídeo Juventude e Meio Ambiente

Uma iniciativa do CJ-SSA para documentar aspectos do Movimento de Juventude e Meio Ambiente, que foi desencadeado pela implantação da Política Nacional de Educação Ambiental e pela realização das Conferências de Meio Ambiente, a partir de 2003.

Foi realizado em 2007 e apresenta depoimentos de diversos jovens sobre a importância do engajamento da juventude na conservação ambiental e entrevistas com educadores e educadoras ambientais ressaltando princípios e valores da Educação Ambiental que se pretende estimular no País. Assista.

Projeto Agenda 21 nas Escola Municipais de Salvador

A partir de uma solicitação da Secretaria Municipal de Educação de Salvador, o CJ-SSA elaborou e executou um projeto com o objetivo de formar Comissões de Meio Ambiente e Qualidade de Vida (COM-VIDA) em 28 escolas municipais que tinham  turmas de 5ª a 8ª séries, buscando envolver educandos (as), educadores (as), funcionários (as), mães, pais e moradores (as) do entorno da escola para planejar e executar ações de transformação do ambiente escolar e sua comunidade.

Esse projeto foi desenvolvido em três etapas diferentes, no período de outubro de 2007 até março de 2010, com atividades para articulação dos grupos das COM-VIDAs nas escolas, oficinas de Educação Ambiental e de temas propostos pelos participantes, além de um ciclo de formação para professores.

O CJ-SSA enfrentou muitas dificuldades com os descompassos estruturais da administração pública municipal nas escolas e no atendimento da Secretaria Municipal de Educação, que incluíram a descontinuidade do repasse dos recursos.

Das 28 escolas envolvidas, foi possível a criação do embrião de COM-VIDAs em aproximadamente 50% das escolas. Também foi realizado um debate para discussão sobre o ensino público municipal e suas dificuldades, com alguns professores e gestores.

Ainda como fruto deste trabalho pode ser citado que os monitores do CJ-SSA passaram por um processo de formação durante o período de realização do projeto e tornaram-se referência de trabalho para mobilização escolar em Salvador.

Sobre os CJs

Os Coletivos Jovens de Meio Ambiente, comumente chamados de CJs, são grupos informais que reúnem jovens representantes ou não de organizações e movimentos de juventude, que têm como objetivo envolver-se com a temática ambiental e desenvolver atividades relacionadas à melhoria do Meio Ambiente e da qualidade de vida. Esses coletivos são como redes locais, para articular pessoas e organizações, circular informações de forma ágil, pensar criticamente o mundo a partir da sustentabilidade, planejar e desenvolver ações e projetos, produzir e disseminar propostas, que apontem para sociedades mais justas.

Os primeiros Coletivos foram criados em 2003, durante o processo de organização da I Conferência Nacional Infanto-juvenil pelo Meio Ambiente, e na época foram chamados de “Conselhos Jovens”. Atualmente, são reconhecidos pelos Ministérios do Meio Ambiente e da Educação como Coletivos Jovens.

Entre dezembro de 2004 e janeiro de 2005, os Ministérios da Educação (MEC) e do Meio Ambiente (MMA) realizaram pesquisa para identificar a situação desses Coletivos Jovens, buscando conceber políticas de fortalecimento e expansão desses grupos. A partir dos resultados obtidos nessa pesquisa, foi concebido o Programa “Juventude e Meio Ambiente”, o qual vem sendo implementado conjuntamente com os próprios CJs e contando com parceiros de diversas organizações das áreas de Meio Ambiente, Juventude, comunicação, dentre outras.

Os CJs, de vários estados do País, permanecem ativos e atuantes desde sua formação, em 2003, envolvendo-se em ações e projetos de Educação Ambiental locais, estaduais e nacionais. Foram parceiros do Programa “Vamos Cuidar do Brasil com as Escolas” (MEC) e participaram das Comissões Organizadoras Estaduais (COEs) atuando na organização das I, II e III Conferência Nacional Infanto-juvenil pelo Meio Ambiente em todo o país. Os CJs têm o reconhecimento institucional do Governo Federal, por meio do MMA e do MEC.

Logomarca Gambá

Av. Juracy Magalhães Jr, 768, Edf. RV Center, sala 102, Rio Vermelho, Salvador/Ba. Tel/fax: 71- 3240-6822

Reserva Jequitibá – Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, Serra da Jibóia, Elísio Medrado/BA